Home - Agricultura - Idaf mantém atendimento e serviços essenciais no ES

Idaf mantém atendimento e serviços essenciais no ES

24 de março de 2020

Idaf mantém atendimento e serviços essenciais no ESFoto: Divulgação

O Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf) adotou uma série de medidas para manter as atividades durante a pandemia do novo Coronavírus (Covid-19), sobretudo, na área de segurança dos alimentos de origem animal e vegetal.

As unidades do Idaf presentes em todos os municípios capixabas seguem funcionando, mas com o número reduzido de servidores, obedecendo às diretrizes do Governo do Estado já divulgadas, como o trabalho remoto e o revezamento de servidores.

As atividades nos Postos de Fiscalização Agropecuária (barreiras) e das equipes volantes, bem como a inspeção e a fiscalização nos abatedouros, também estão mantidas em função da essencialidade dos serviços. Durante este período de enfrentamento à pandemia, o Idaf não emitirá autorização para a realização dos eventos agropecuários.

Os servidores estão orientados a fazerem o atendimento ao público em local arejado e com o menor número de pessoas, tendo ciência das orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS) para evitar o contato físico e adotar os cuidados com a higiene pessoal.

Nos municípios onde o Idaf funciona em prédios de outros órgãos, como Prefeitura ou Secretaria Municipal de Agricultura, o Idaf está prestando apoio por telefone ou por meio das gerências a que estão vinculados os postos de atendimento. A relação dos escritórios do Idaf, com respectivos contatos, pode ser consultada em: https://idaf.es.gov.br/contatosidaf.

O deslocamento dos servidores fora da área de abrangência da gerência local de atuação foi suspenso a fim de evitar maior exposição. Os casos específicos e extremamente necessários serão devidamente analisados.

De acordo com o diretor-presidente do Idaf, Mário Louzada, os serviços do Instituto são essenciais e devem ser mantidos. "O Idaf é o órgão responsável pela segurança dos alimentos de origem vegetal e animal, além do controle das cargas em trânsito (vegetais, animais e de seus produtos e subprodutos, entre outros). Esses serviços são fundamentais para o funcionamento de supermercados e estabelecimentos que fornecem alimentos para a população capixaba", explica Louzada.

Louzada ainda ressalta que alguns atendimentos podem ser feitos por telefone e pelo site. "Hoje temos muitos dos nossos serviços já disponíveis de forma on-line em nosso site e ficaremos à disposição para atendermos por telefone também. A minha orientação é para irem às unidades somente se não puderem resolver de outra forma ou em outro momento", orienta o diretor.

Valedoitaunas



banner
banner